A Lei do Funil

Larga para alguns (poucos), estreita para todos os outros!

Aqui se fala, umas vezes a sério outras a brincar, de coisas que nos irritam, alegram, entristecem ou, muito simplesmente, nos enfadam.

2007-11-14

Sessenta mil (60000) páginas de fotocópias...

fotocopia1 (7K)Fotocopiar sessenta mil páginas da documentação de um Ministério para arquivo pessoal é obra... E se o Ministério em causa for o da Defesa Nacional, ainda é mais surpreendente.

JPG: «(...) confirmando-se que o ex-ministro Paulo Portas fotocopiou e digitalizou mais de sessenta mil páginas do Ministério da Defesa antes de cessar funções ministeriais, o Estado tem obrigação de investigar a fundo o que foi fotocopiado e digitalizado, independentemente da personalidade e carácter do ex-ministro, e informar os portugueses do resultado da investigação.

É que há portugueses muito mal intencionados, capazes de pensarem o pior dos outros em geral e dos políticos em particular, que poderiam levantar o labéu de que o ex-ministro andou pelos arquivos do Ministério a apanhar lenha para queimar terceiros. (...)»


fotocopia2 (10K)E já pensaram no custo envolvido? Entre custos de papel, toner, amortização de fotocopiadora, manutenção e pessoal operador uma simples fotocópia não fica por menos de 5 cêntimos. Ora 60000*0,05€ = 3000€ (três mil euros), no mínimo! Quem pagou ?



2 Comments:

Anonymous Anónimo said...

È obvio, que , como diz o Povo , 2 no melhor pano cai a nódoa ", e o Dr. Paulo Portas, que quando passou pelo Governo, e tanbem agora, tanto apregoa o rigor e a transparência, tinha a obrigação de dar uma satisfação aos Portugueses(mesmo que fosse para fazer de conta ...)
Né "tudoanorte"

sexta nov 16, 05:25:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Ele diz que foi do bolso dele. Mas tanta fotócopia!

sábado dez 15, 12:11:00 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!